Violência Doméstica contra Crianças e Adolescentes: uma realidade aos nossos olhos

Violência Doméstica contra Crianças e Adolescentes: uma realidade aos nossos olhos

A violência contra crianças e adolescentes ocorre em vários cenários, mas a violência doméstica, ou seja, que acontece dentro de casa vem crescendo, sendo discutida e mostrada nos noticiários, trazendo discussões importantes em nossa sociedade. A violência doméstica é reconhecida mundialmente como um dos principais problemas sociais e de saúde pública devido a sua elevada ocorrência.

Para falarmos sobre violência doméstica é preciso olhar para dentro de nós, rompermos com pensamentos e comportamentos que julgávamos até pouco tempo ou ainda julgamos serem certos, pensamentos decorrentes, por exemplo,de que um tapinha não dói.

A violência doméstica muitas vezes é silenciosa e camuflada no ambiente familiar, podendo ser entendida pela família como uma pratica normal e educativa. Quem nunca ouviu alguém dizer ou mesmo disse que foi criado levando uns tapinhas ou surras, mas que isso foi algo bom, pois se tornou uma pessoa honesta e de bem?

Essas e outras falas carregadas de violências e falta de informações fazem com que o ciclo de violência doméstica continue. Um tapinha dói sim, dói no corpo, dói na alma, prejudica o desenvolvimento da criança e suas habilidades socioemocionais.

Educar os filhos significa transmitir a eles nossos valores, crenças e limites, e deve ser feito com amor, carinho epaciência.

Nossas crianças e adolescentes aprendem muito observando o comportamento dos adultos e os reproduzindo, então se você acredita que bater em seu filho o estará educando, provavelmente ele entenderá que é dessa forma que ele deve resolver seus problemas. Lembrem-se os pais e/ou responsáveis funcionam como espelho para seus filhos, então reflitam sobre a imagem que estão apresentando a eles.

Tipos de violência que podem ocorrer no âmbito familiar: Violência física (toda ação que causa dor física), violência sexual (assedio sexual, estupro, pornografia infantil e exploração sexual), violência psicológica (gritos, humilhações, ameaças, xingamentos, etc) violência negligencial (exposição a perigos e acidentes, falta de cuidados), violência testemunhal (quando a criança e/ou adolescente ouve ou presencia situações de violência de pessoas que são próximas a ela) e a violência fatal (quando as ações ou omissões contribuíram ou foram resultantes da morte da criança e/ou adolescente).

Em casos de violência, denuncie! Faça sua parte! Conselho Tutelar do município ou Disque 100, podendo ser feito de forma anônima.

Lembrando que manter as crianças e adolescentes seguros e longe de qualquer forma de violência é nosso DEVER!

Lucélia, 16 de Abril de 2021.

Bianca Dias Caldeira, psicóloga da Aprocaf.

Compartilhe nas redes sóciais

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.